Devaneio

Recebi de um ciberamigo e, com a devida autorização do mesmo, passo a publogar, pois gostei tanto que quero partilhar com os outros leitores do Esquissos...

Devaneio

É noite.
Sentado à minha mesa, penso em ti.
Vejo-te a passos leves,
Atravessar a rua,
Pegar na mala,
Tomar o trem.
Mas a tua imagem continua, num vaivem.
Lá fora, um cão ladra à minha janela.
Será que também te vê passar?!
Não. Apenas ladra p'ra me despertar.


(c) João Norte

Comentários

Mensagens populares