Apesar da queda do turismo europeu em 2008, Portugal não se portou mal

A Espanha continua a ser o primeiro destino turístico da União Europeia. No ano passado, o país vizinho vendeu 269 milhões de noites de hotel, um número em queda de 1,1% face a 2007. Uma queda superior à média europeia, de apenas 0,5 por cento.
 
Em Portugal, em 2008, os hotéis perderam menos gente: 0,2%, face ao ano anterior. Com mais de 39 milhões de noites de hotel vendidas em 2008, Portugal é o oitavo país da União Europeia em termos de destino turístico. Tal como Espanha, também Portugal regista uma maior reserva de noites de hotel por parte de não residente no país. Em Portugal, mais de metade (26 milhões) das noites de hotel foi reservada por não residentes.
 
O segundo destino turístico da Europa, depois da Espanha é a Itália. Apesar uma queda de 2,9% face a 2007, o país da bota registou 247 milhões de noites de hotel, no ano passado - graças, sobretudo, aos 138 milhões de noites de hotel vendidas aos próprios residentes.

A tendência é ainda mais gritante na Alemanha, terceiro destino turístico da Europa. Dos 219 milhões de noites de hotel vendidas, apenas 45 milhões o foram a não residentes.

Seguem-se França (203 milhões de noites, 131 milhões a residentes) e o Reino Unido (172 milhões, dos quais, 108 milhões aos residentes).

Estes cinco países juntos (Espanha, Itália, Alemanha, França e Reino Unido) representam 70% dos 1578 milhões de noites de hotel vendidas em toda a União!

Os dados são do mais recente Eurostat e estão disponíveis em francês e em inglês.

Comentários

Mensagens populares